segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Simples





Olho nos seus olhos...
E vejo a ingenuidade de um ser...
Penso cá comigo...
Essência...
Seus gestos simples e singelos me cativam
Sua pele me sacia a sede de teu corpo...
E então...
Ao sentir teus lábios repousar nos meus...
Sinto a paz...
E também o gosto do doce fel que teus lábios me presentearam.
Doce ninfa de meus sonhos...
Às vezes ao te olhar calmamente me despeço da realidade
E não sei mais se sonho ou se estou a imaginar...
Linda criatura da natureza.
Singelo e humilde ser.
Fico eu um tolo a buscar você em meu templário de virgens
Onde a única que atormenta minha vaidade és tu minha doce e infantil amada.
Em meu sombrio e devaneio de alucinações
Procuro loucamente a luz de teu ser
Enquanto um rústico e tosco ser da noite
Escondo-me entre sombras só pra te observar...
Em teus gestos simples e singelos...
Na essência da natureza...

(tchayane)

4 comentários:

Tchay disse...

legal....

Whemilliann disse...

Que liindoo tchay (:
ameii S2
Beeijos ;*

Taynara disse...

Amei! *-*

Cristiane disse...

Intenso... Alucinante... Sombrio e claro ao mesmo tempo! Encantador! Parabéns!